[Lucro Previsível] 4 Etapas do Sistema de Vendas para Lucrar Todo Mês

“Se você não está vendendo, você está fracassando.”

Começo com a frase impactante retirada do livro “Os Segredos do Lobo” (Wall Street) para que você leia esse texto até o fim, pois ao final desse artigo você vai, no mínimo, querer triplicar seus rendimentos com o que vou compartilhar aqui. Preparado?

Criar um negócio na internet é simples.

Você cria um site, uma fanpage no Facebook, contrata uma ferramenta de emails e começa a fazer anúncios.

Você coloca o seu negócio pra rodar.

Faz uma venda. Duas. Três. Boom! Seu negócio está vendendo $$$$

Mas aí o negócio trava. As vendas não acontecem mais como antes. Passaram meses desde a criação do seu negócio e você não sabe porque as vendas diminuíram ou pararam completamente.

É um cenário complicado e muito frequente.

Não é difícil ver pessoas que começaram a fazer vendas na internet sem conseguir se manterem depois de um tempo.

E começam a agir desesperadamente. Compram cursos de ferramentas que estão na moda na tentativa de alavancar as vendas ou torram os últimos reais em anúncios que não convertem.

Pronto. Seu negócio está acabado, você pensa.

E agir com desespero leva a tomar decisões erradas…

Isso acontece porque essas pessoas não possuem um sistema previsível de vendas. Na verdade, raríssimas pessoas sabem o que é isso.

Nesse artigo você vai entender o que é um sistema previsível de vendas e como criar um modelo de negócio com baixo nível de stress e que lhe dê segurança para os próximos meses.

Um Sistema Previsível de Vendas

É claro que é impossível adivinhar quanto o seu negócio irá faturar no próximo mês.

Ninguém tem bola de cristal aqui.

Mas… é totalmente viável ter uma previsão de quanto você irá ganhar nos próximos meses. Quando você tem um modelo de negócios que flui bem, você consegue criar um fluxo de vendas constante.

Então como funciona este modelo?

São 4 etapas:

– Tráfego
– Envolvimento
– Conversão
– Ascensão

Se você tem isso, seu negócio está salvo.

Eu uso este modelo há anos e conheço empreendedores de sucesso próximos que usam esse exato método.

Tráfego é o Combustível de Qualquer Negócio Online

A primeira parte desse modelo é o tráfego. É óbvio para muitos, mas quero que você preste muita atenção aqui.

A maioria das pessoas que já têm um negócio online usam apenas um ou dois pontos de contato com possíveis compradores. Por exemplo, Facebook Ads e Blog.

Isso é um bom começo, mas não é tudo. Atualmente eu uso:

  • Blog
  • YouTube
  • Redes Sociais (orgânico)
  • Facebook Ads
  • Email
  • Sistema de Afiliados
  • Webinários
  • Podcast

Percebe a diferença? As pessoas podem me encontrar por diversos lugares. Se alguém não usa rede social, pode me encontrar pelo podcast do iTunes. Se a pessoa não costuma assistir vídeos no YouTube, ela pode encontrar meu blog no Google.

Quanto mais pontos de contato você tem, mais fácil de ser encontrado.

Mas note, eu não quero que você saia hoje criando contas em várias plataformas e criando conteúdo feito louco. O ideal é criar um ponto de contato, trabalhar nele, começar a ter resultados para passar para o próximo.

Se você tentar fazer tudo de uma vez, não vai fazer nada.

Eu comecei com blog, depois passei para grupos nas redes sociais, depois fui para o YouTube e fui seguindo adiante.

Cada vez que um ponto de contato estava ativo e gerando tráfego, eu partia para o próximo.

É importante destacar que os pontos de contato devem estar interligados. Quem me acompanha no YouTube deve saber que eu tenho um blog. Quem me acompanha no blog deve saber que eu tenho uma lista de emails para receber conteúdos.

Envolvimento é o Convite para Sair

Quando você se apaixona por uma pessoa você não pede para namorá-la no primeiro encontro, correto?

Você puxa assunto, chama para sair e, se pintar um clima, você dá um beijo.

É assim no marketing, mas sem a parte do beijo 😀

Você traz pessoas através dos seus pontos de contato, envolve essa pessoa com uma história e convida para comprar algo.

Recentemente eu lancei uma série de conteúdos no meu canal no YouTube sobre funil de vendas. Logo recebi esse comentário:

funil de vendas

Eu nem falei em vender nada, mas as pessoas passaram a se interessar no assunto.

Quando você envolve as pessoas, elas tendem a querer continuar a entender mais sobre aquilo, naturalmente.

Você não precisa necessariamente escrever vários emails ou fazer uma série de vídeos. Esse envolvimento pode acontecer facilmente com apenas um texto.

Há pouco tempo eu vi um anúncio de um produto chamado “Desvendando o Segredo”, que fala sobre como usar a lei da atração para conseguir realizar seus desejos.

Eu cliquei no anúncio para entender como eles estavam fazendo vendas.

Eles fazem anúncios (ponto de contato) e enviam a pessoa para um texto enorme (envolvimento).

texto envolvimento

O texto tem exatamente 4852 palavras. Grande, eu sei. Mas o objetivo é justamente “envolver” a pessoa na história contada e converter em comprador ao final do texto.

É exatamente isso que acontece.

Esse é um exemplo de que você não precisa criar 1.000 conteúdos. Você só precisa seguir a regra dos 80/20.

20% do tempo criando conteúdo e 80% do tempo divulgando seu conteúdo.

De que adianta criar conteúdos que ninguém lê?

Crie um conteúdo e divulgue ao máximo. Faça divulgação nas redes sociais, mande email para seus inscritos, apresente seu texto em grupos e faça anúncios levando para o seu artigo.

Depois disso, você terá centenas de pessoas vendo seu texto. Você usa um dia para escrever e usa dez para divulgar e não o contrário.

Seu conteúdo parou de ser lido? Sem problema. Faça um reaproveitamento.

Pegue esse seu texto antigo e crie um ebook, por exemplo. Use esse ebook como ímã para gerar novas pessoas interessadas no seu assunto.

Assim você dá uma nova vida para o seu conteúdo sem precisar ficar horas escrevendo novos textos.

Você NÃO precisa de novos conteúdos, você precisa que seus conteúdos sejam lidos.

Conversão é Dinheiro

Ok, você já tem tráfego, já tem a pessoa envolvida com seu texto e agora?

Agora é o passo da conversão. Conversão aqui é a venda, beleza?

Para fazer qualquer pessoa comprar, ela precisa confiar.

Primeiro ela compra VOCÊ, para depois comprar DE VOCÊ.

É exatamente por isso que geralmente contamos uma história ou alinhamos a pessoa com os desejos dela. Eu chamo isso de colocar o leitor em “modo comprador”.

Eu inventei esse termo quando viajei pra Europa com minha esposa. Lá ela queria comprar tudo que via nas lojas de souvenirs.

Isso aconteceu porque quando viajamos nós queremos aproveitar tudo daquele novo lugar, inclusive provar comidas típicas e levar produtos que nos relembrem daquela experiência. Entramos em modo comprador a partir do momento que entramos no avião.

Por isso que turista gasta tanto dinheiro rs 😀

Mas como colocar o leitor em “modo comprador”?

Existe uma sequência que todo texto com objetivo de vendas deve ter:

  1. Promessa
  2. Problema
  3. Agravar o problema
  4. Causa
  5. Solução
  6. Celebração
  7. Nova realidade

Você começa com uma promessa, que é o que irá atrair a atenção do leitor.
Você passa para o problema para que ele se interesse no que está sendo dito.
Em seguida você mostra a causa e mostra a solução, gerando desejo em resolver o problema.
Na sequência você mostra a nova realidade que ele terá com seu produto, fazendo com que ele tome uma ação.

Essa sequência nada mais é que o modelo AIDA (atração, interesse, desejo e ação) de um modo sofisticado.

Todo o texto de vendas é milimetricamente calculado para que essa sequência seja seguida. Pode prestar atenção daqui pra frente.

Ascensão é Onde Você Multiplica seu Lucro

Russell Brunson, um dos maiores especialistas em Funil de Vendas no mundo fala que “amadores focam no front end, enquanto profissionais focam no back end”.

Depois que entendi isso, minha cabeça explodiu.

Front end é a oferta que você faz logo de cara para o leitor. Essa oferta inicial vai lhe gerar algum dinheiro, mas o ouro está na parte de trás do funil, ou seja, no back end.

Veja esse exemplo meu. O front end é o produto Sites que Vendem no Automático. Custa R$ 37.

produto-front-end

Você deve concordar que não vou ficar rico com R$ 37, né?

Mas o segredo está no que vem a seguir.

Quando a pessoa compra este produto front end. Ele vai para esta página:

produto-back-end

Esse produto custa R$ 197 (nessa oferta relâmpago) e é capaz de aumentar em 5x meu lucro.

Lembra do “modo comprador”?

Aqui o leitor está com o cartão de crédito e estudos mostram que comprar libera dopamina, que é um neurotransmissor que causa entusiasmo e prazer.

Isso quer dizer que se a pessoa comprou a primeira vez, ela está propensa a comprar pela segunda vez.

Além disso, essa pessoa entra em um funil de emails. Cedo ou tarde ela receberá uma oferta da minha consultoria.

Essa consultoria tem um valor elevado, variando de R$ 2.000 a R$ 10.000, pois é um atendimento personalizado. Porém, esta é uma forma de maximizar os ganhos.

Todo o processo é contínuo.

A pessoa entra (tráfego), se interessa (envolvimento), compra (conversão) e continua comprando (ascensão).

Uma vez que a pessoa entrou no sistema, você pode fazer várias ofertas para produtos diferentes ou várias abordagens de oferta para o mesmo produto, caso só tenha um.

Dentro do nosso portal eu apresento processos detalhados para você montar seu sistema previsível de vendas, desde a parte da atração até a venda contínua de produtos. Para participar você pode clicar aqui para conhecer nosso portal.

Todos os meses você receberá um direcionamento meu para aumentar suas vendas. Você terá meu acompanhamento enquanto fizer parte do nosso grupo privado, assim você poderá apresentar seu negócio para ser analisado, mês a mês, durante as aulas ao vivo.

O ideal é que você já tenha um negócio para poder fazer parte do nosso grupo. Caso não tenha, você também poderá criar a partir das ideias que têm lá dentro.

A partir de agora você tem conhecimento dos 4 processos para fazer vendas com previsibilidade e ter uma margem de segurança no seu negócio.

É esse modelo que vai fazer você sair de R$ 10.000 para R$ 100.000.

É isso! Espero que este artigo tenha lhe ajudado e que você possa contar seu caso de sucesso para nós nas próximas semanas.

About the Author
Empreendedor digital metido a engraçado.

3 comments on “[Lucro Previsível] 4 Etapas do Sistema de Vendas para Lucrar Todo Mês

  1. Fabio Aleixo disse:

    O melhor blog de SEO que encontrei até hoje!!
    Seu post sobre bpn me ajudou muito!
    Ia comentar em outro post mas estava fechado. hehe

    VLW!!

  2. everton disse:

    Vicente, Top seus Artigos … Parabéns!!!
    Vicente tudo bem? Sou Everton e venho acompanhando seu trabalho .Você realmente é uma autoridade no Negócio online na internet. Ja assitir vários tutorias seus e cada dia aprendo muito. ainda não tenho condiçoes de comprar o seu curso porque não tenho muita renda. Mas pretendo juntar com meu irmão e adquirir um dos seus cursos. Gostaria de tirar uma dúvida com você…Eu fiz um site e estou começando a entender como indexar no
    Google Search Console. Gostaria se fosse possível você tirá uma dúvida minha. Quantos artigos eu posso indexar no Google Search Console por dia. eu aprendir se criar um artigo posso indexar e em 3 minutos vai ao ar. gostaria de saber quantos artigos posso indexar no Google Search Console? tem uma quantidade por dia ou por mês? ou só posso indexar um por dia. Desde já muito obrigado! aguardo seu retorno. Fique com Deus!

    1. Vicente Sampaio disse:

      Não precisa indexar manualmente. O Google já faz isso. Só faria se fosse algo urgente, como um lançamento de um produto ou uma notícia de última hora.

Comments are closed.